Livro Produção de Ovinos e Caprinos de Corte
06/09/2018

Pedido pelo email do NEPPA: uneb_neppa@yahoo.com.br

ou no website da editora EDUNEB: eduneb.uneb.br

Apresentação:

A vontade de compartilhar a nossa experiência com todos aqueles interessados na criação de caprinos e ovinos foi a maior motivação para escrever este livro. O fato de sermos professores pesquisadores, engenheiro agrônomo e médico veterinário, mas, acima de tudo, extensionistas em essência, nos permitiu a convivência estreita com diferentes sistemas de produção praticados sob diferentes condições climáticas.

Este livro reúne informações de fácil consulta sobre os principais componentes do sistema de produção, desde a escolha das raças, alimentação, reprodução, sanidade até os aspectos comerciais da caprino-ovinocultura de corte. Ao tratar de cada assunto, além de uma abordagem básica e geral, são apresentadas informações obtidas a partir da nossa convivência com as duas espécies. Ao longo de todo o texto, são apresentados dados de pesquisa mesclados com sugestões de procedimentos pontuais, dotando este livro de um caráter de “manual de orientações”. Por essa razão, este livro se constitui em um documento elaborado para auxiliar aos criadores e técnicos nos momentos de tomada de decisão.

No capítulo que trata das raças, são descritas informações sobre a potencialidade produtiva, reprodutiva e de adaptabilidade. A forma de descrição dos grupos genéticos possibilita ao leitor a oportunidade de reflexão sobre os caminhos do melhoramento genético para obtenção de animais com bom desempenho e boas características de carcaça.

O capítulo “alimentos e alimentação” apresenta informações sobre a pastagem natural da Caatinga, suas características agronômicas e sugestões de manejo sustentável. As espécies de gramíneas e leguminosas forrageiras mais indicadas para caprinos e ovinos, as quais tem incrementado a produtividade em propriedades mais tecnificadas, são descritas e comentadas. Considerando a crescente necessidade de convivência com a seca, este capítulo comenta diversas opções para conservação e reserva estratégica de forragem. Ao final, apresentam-se tabelas de composição de alimentos e exigência nutricionais.

Preocupados com os elevados índices de mortalidade ou redução do desempenho dessa categoria verificados em diferentes sistemas de produção, inserimos o capitulo “manejo de cabritos e cordeiros”, onde são descritos, de maneira detalhada, os procedimentos essenciais para assegurar elevada taxa de sobrevivência das crias.

Considerando que a eficiência reprodutiva afeta diretamente a produtividade do rebanho e, por consequência, a viabilidade econômica da atividade, o capítulo “manejo reprodutivo” apresenta as bases conceituais da reprodução, seleção de matrizes e reprodutores, sistemas e estação de acasalamento. Ainda são tratadas nesse capítulo, as biotécnicas aplicadas à reprodução, tais como o controle do estro e da ovulação, bem como, os tipos de inseminação artificial atualmente praticados com os respectivos índices de fertilização alcançados à campo.

Apesar da maioria absoluta dos rebanhos ovinos e caprinos serem explorados extensivamente, o capítulo “confinamento” aponta o potencial estratégico mercadológico da intensificação da produção. Esse sistema possibilita a obtenção de carne de excelente qualidade em menor tempo, com maior rendimento de carcaça, em períodos estratégicos do ponto de vista comercial.

No capítulo “abate e cortes da carcaça”, são elencados os fatores, inerentes aos animais e ao ambiente, que afetam a qualidade da carcaça. Por outro lado, é enfatizada a necessidade de realização de cortes especiais, como forma da valorização da carcaça. De maneira complementar, o capítulo “produtos da ovino-caprinocultura de corte” destaca o potencial da carne, enquanto produto diferenciado. A pele também é tratada nesse capítulo, onde é chamada a atenção para a influência do manejo dos animais sobre a qualidade do produto final, cuja demanda tem sido constante e maior que a oferta.

Entendendo que os dejetos também se constituem efetivamente em um co-produto, é feito um pertinente destaque sobre o aproveitamento/tratramento dos dejetos por meio da biodigestão. O biodigestor é sugerido como uma ferramenta simples e eficaz para o tratamento adequado dos dejetos, cujo processo auxilia no controle de parasitoses e, ao mesmo tempo, produz biofertilizante e energia renovável (biogás), o que contribui para melhoria do solo e redução do desmatamento.

No que se refere à sanidade do rebanho, o capítulo “sanidade” detalhada as enfermidades infecciosas, parasitárias e os distúrbios metabólicos mais frequentes, desde a etiologia (causa), os sintomas e as respectivas formas de controle. Também são apresentadas informações (dados e ilustrações) sobre a ocorrência dessas enfermidades, levantadas pelo nosso grupo de estudo em rebanhos com diferentes níveis de tecnificação.

Assim, este livro, fundamentado em estudos científicos e experiências práticas, didaticamente escrito em capítulos, tem o propósito de disponibilizar informações estratégicas que possam contribuir para tornar a produção de caprinos e ovinos de corte em um empreendimento sustentável e lucrativo.


Todos os direitos reservados ao NEPPA - Núcleo de Estudo e Pesquisa em Produção Animal
Universidade do Estado da Bahia - Campus IX - NEPPA. BR 242, KM 4, S/N, Bairro: Flamengo,
Barreiras, Bahia, Brasil. CEP 47802-682.
Email: uneb_neppa@yahoo.com.br